18 maio 2015

de de

Um post de exemplo


Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Maecenas sed vestibulum ipsum, in accumsan massa. In quam nunc, porta a imperdiet a, consequat sit amet tortor. Nam congue mi ac dolor sagittis vehicula. Quisque molestie erat eu iaculis faucibus. Nulla vel porta mauris. Fusce ut turpis at nisl luctus accumsan varius nec lorem. Ut ante orci, aliquam quis pretium et, scelerisque at sapien.
Cras pulvinar urna non elit gravida, ut adipiscing diam cursus. Donec vitae est et sapien fringilla fermentum non ut sem. Pellentesque a suscipit nulla. Ut vitae augue sed diam facilisis molestie. Pellentesque habitant morbi tristique senectus et netus et malesuada fames ac turpis egestas. Etiam cursus euismod purus. Sed ut lacus vel tellus malesuada iaculis quis non diam. Sed sit amet est dictum, tincidunt erat nec, imperdiet metus. Praesent et nisl at nisl lacinia hendrerit. Proin suscipit lacus arcu, at fermentum velit condimentum vitae. Phasellus sodales, urna id iaculis eleifend, elit erat iaculis massa, id tempus dolor lectus sit amet felis. Nam tincidunt accumsan nisi, ac interdum ipsum tempus non. Fusce congue ipsum mauris, eu mattis nisl adipiscing at.

06 abril 2015

de de

Outro post de exemplo

This is Photoshop's version  of Lorem Ipsum. Proin gravida nibh vel velit auctor aliquet. Aenean sollicitudin, lorem quis bibendum auctor, nisi elit consequat ipsum, nec sagittis sem nibh id elit. Duis sed odio sit amet nibh vulputate cursus a sit amet mauris. Morbi accumsan ipsum velit. Nam nec tellus a odio tincidunt auctor a ornare odio. Sed non  mauris vitae erat consequat auctor eu in elit. Class aptent taciti sociosqu ad litora torquent per conubia nostra, per inceptos himenaeos. Mauris in erat justo. Nullam ac urna eu felis dapibus condimentum sit 



Título

Subtítulo

Título secundário


Teste da lista:

  • item 1
  • item 2
  • item 3

Teste do blockquote

This is Photoshop's version  of Lorem Ipsum. Proin gravida nibh vel velit auctor aliquet. Aenean sollicitudin, lorem quis bibendum auctor, nisi elit consequat ipsum, nec sagittis sem nibh id elit. Duis sed odio sit amet nibh vulputate cursus a sit amet mauris.

Fim dos testes!!!!!!!!
<3

24 junho 2014

de de

Nova camiseta super legal! *-* com tamanho super grande para testar um dois tres e ja

This is Photoshop's version of Lorem Ipsum. Proin gravida nibh vel velit auctor aliquet. Aenean sollicitudin, lorem quis bibendum auctor, nisi elit consequat ipsum, nec sagittis sem nibh id elit. Duis sed odio sit amet nibh vulputate cursus a sit amet mauris. Morbi accumsan ipsum velit. Nam nec tellus a odio tincidunt auctor a ornare odio. Sed non mauris vitae erat consequat auctor eu in elit. Class aptent taciti sociosqu ad litora torquent per conubia nostra, per inceptos himenaeos. Mauris in erat justo. Nullam ac urna eu felis dapibus condimentum sit amet a augue. Sed non neque elit. Sed ut imperdiet nisi. Proin condimentum fermentum nunc. Etiam pharetra, erat sed fermentum feugiat, velit mauris egestas quam, ut aliquam massa nisl quis neque. Suspendisse in orci enim.This is Photoshop's version of Lorem Ipsum. Proin gravida nibh vel velit auctor aliquet.


Aenean sollicitudin, lorem quis bibendum auctor, nisi elit consequat ipsum, nec sagittis sem nibh id elit. Duis sed odio sit amet nibh vulputate cursus a sit amet mauris. Morbi accumsan ipsum velit. Nam nec tellus a odio tincidunt auctor a ornare odio. Sed non  mauris vitae erat consequat auctor eu in elit. Class aptent taciti sociosqu ad litora torquent per conubia nostra, per inceptos himenaeos. Mauris in erat justo. Nullam ac urna eu felis dapibus condimentum sit amet a augue. Sed non neque elit. Sed ut imperdiet nisi. Proin condimentum fermentum nunc. Etiam pharetra, erat sed fermentum feugiat, velit mauris egestas quam, ut aliquam massa nisl quis neque. Suspendisse in orci enim.

13 junho 2014

de de

Resenha livro Fale!

Fale!
Título original: Speak
Autora: Laurie Halse Anderson
Editora: Valentina (Site | Twitter | Facebook)
Páginas: 248
Links: Skoob | Goodreads
Desde que li Garotas de Vidro soube que a Laurie era o tipo de autora da qual gosto. Ela sabe trabalhar de forma simples com temas polêmicos e (infelizmente) comuns dos adolescentes, nos fazendo sentir o que aqueles personagens sentem. Quando vi Fale! entre os lançamentos, já fui com grandes expectativas para a leitura. E ela não desaponta.
 
Melinda é uma garota quieta. Ela não fala com ninguém, e os seus colegas a rejeitam. Seus pais estão sempre muito ocupados para cuidar da menina, então ela vive isolada. Não gosta muito do colégio, e suas notas vão de mal a pior. Porém isso não foi sempre assim. Melinda mudou após uma festa do colégio onde chamou a polícia e causou a prisão de alguns colegas. E o ocorrido na festa até hoje lhe rende medo. Será que ela conseguirá quebrar o silêncio?
"Bem-vindo ao ensino médio do colégio Merryweather.

É o meu primeiro dia no ensino médio. Estou com sete cadernos novos, uma saia ridícula e dor de barriga." (primeiras linhas, pág. 15)
Acompanhamos toda a história e o sofrimento de Melinda através da visão e dos pensamentos dela. E como isso é bom. A menina tem medo de falar, mas seus pensamentos são ótimos. Ela é irônica, inteligente e sagaz. E por ali vemos também o quanto ela se sente isolada e deprimida. O problema que ocasionou a chamada da polícia não é difícil de ser imaginado logo nas primeiras páginas do livro, mas mesmo assim prefiro não mencionar aqui para que todos iniciem o livro assim como eu. 

O livro foi lançado originalmente em 1999 e a edição trazida para o Brasil é uma comemorativa pelos 10 anos. Nela encontramos um poema incrivelmente tocante feito com pedaços de cartas que a autora recebeu durante esses anos. Além disso, no final temos uma entrevista com a autora e estatísticas do Brasil e dos Estados Unidos sobre o assunto do livro. Não deixo de me perguntar por que o livro não veio para o país antes.

14 março 2014

de de

Título da postagem!



Há coisas que só podem ser compreendidas quando vividas uma segunda vez…
Um escritor parte numa viagem rumo ao próprio passado. Ele vagueia pelas ruas de Paris, de Toronto, de uma cidadezinha praiana da Jamaica. Lá, estão o internato, uma roda-gigante girando na noite; uma casinha de campo caindo aos pedaços, lugares onde foi feliz e triste, na maioria das vezes desesperado, buscando um sentido para sua vida. Ele reencontra as pessoas, as conversas, os sonhos e as paixões, memórias que tinham se perdido no tempo e agora voltavam para que ele as visse com novos olhos, estes bem abertos para o que não conseguiu enxergar quando as viveu pela primeira vez.